terça-feira, 16 de outubro de 2012

Viagens no tempo and shit

Se viagens no tempo existissem (de acordo com as leis que regem a nossa realidade atualmente), para não gerar um paradoxo, rombos na história e não existência de pessoas, elas só seriam possíveis se acontecessem em uma direção. Como o fato de voltar ao passado anularia o ponto de partida da viagem (feito no futuro), só conseguiríamos viajar obviamente para o futuro. Os viajantes do passado ficariam presos, caso contrário eles não existiriam, a não ser que fossem parar em algum universo com leis diferentes das que regem o nosso. 

Também não estamos recebendo viajantes do futuro. Se eles existissem, com certeza mudariam alguma coisa. Por outro lado, pode ser que existam dois tipos de viagens: a de um mero espectador, e aquela onde a interferência é possível. Deixando o ceticismo um pouco de lado, até pode ser que já façamos a primeira.

Vou olhar com mais carinho para os mendigos do centro de Porto Alegre agora. Vai que eles sejam viajantes do passado que acabaram presos no nosso tempo, e por não conhecerem a sociedade atual, terminaram como mendigos... hahaha.

Justificaria muita coisa.

- Uma pergunta sem resposta, ainda assim, continua sendo uma pergunta.

2 comentários:

Júlio Lacerda disse...

Legal, eu conheci seu blog a pouco tempo, e venho lendo as postagens anteriores. No segundo paragrafo tem a haver com as frases do cara da cadeira de rodas neh? Mt bom... Continue Postando.

E se vc conhecer um viajante, avisa aee,kkk

SilvaJF disse...

A saber a unica viagem no tempo sempre a pudemos fazer com a nossa complicada 'sofisticada' geniosa mente.
E tu passar por esses mendigos em PA e eles não te serem indiferentes, gostei.
Um grande abraço Brenda.